Formado em 2006, o grupo de pesquisas CAP tem como objetivo o desenvolvimento de pesquisas que auxiliem a ampliação do uso de tecnologia da informação para resolver problemas relacionados à aplicações agrícolas e ambientais. Os trabalhos de pesquisa e desenvolvimento focam em técnicas computacionais que ajudem a reduzir custos,  entender melhor a dinâmica dos problemas que ocorrem no campo e promover soluções que auxiliem o agricultor.

Relacionado a esse foco, o grupo tem pesquisado, projetado e desenvolvido dispositivos embarcados para aplicação no campo,  tais como redes de sensores sem fio, focando principalmente em equipamentos de baixo custo e nos mais modernos sistemas microcontroladores. O desenvolvimento de firmware, de software e o projeto das placas de circuitos impresso para esses equipamentos são as principais partes práticas dos trabalhos desenvolvidos pelos pesquisadores envolvidos nos projetos do grupo.

 

Pesquisadores do grupo

Prof. Mauricio

Maurício Fernando Lima Pereira possui graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal de São Carlos (1998), mestrado na Área de Processamento de Imagens e Sinais em Ciência da Computação pela Universidade Federal de São Carlos (2001) e doutorado em Física Aplicada Computacional pelo Instituto de Física de São Carlos – Universidade de São Paulo(2007). Atualmente é professor no Instituto de Computação da Universidade Federal de Mato Grosso e tem experiência na área de Tomografia Computadorizada aplicada a Física de Solos, com ênfase em Algoritmos Paralelos de Reconstrução Tomográfica e Sistemas Paralelos baseados em processadores DSP. Também realiza pesquisas a respeito de Computação Embarcada aplicada a Agricultura de Precisão e coordena o grupo de pesquisa Computação em Agricultura Precisão da UFMT. Tem atuado em temas como Processadores Digitais de Sinais (DSP), microcontroladores ARM, reconstrução tomográfica, reconstrução de imagens, computação de alto desempenho e algoritmos paralelos.

Lattes

Aloisio Bianchini possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Mato Grosso (1982), mestrado em Engenharia Agrícola pela Universidade
Federal de Viçosa (1993) e doutorado em Engenharia Agrícola pela Universidade Estadual de Campinas (2002), na área de Máquinas Agrícolas. É professor associado da Universidade Federal de Mato Grosso, onde ministra as disciplinas de Mecânica e Motores e de Máquinas Agrícolas para a graduação, desde
1986. É orientador do programa de pós-graduação em Agricultura Tropical, em nívem de mestrado e doutorado. Tem experiência na área de Engenharia
Agrícola, com ênfase em Máquinas e Implementos Agrícolas. Desenvolve pesquisas nos seguintes temas: desenvolvimento e avaliação de máquinas
agrícolas; cultivo de cana; manejo de solo, compactação e propriedades físicas do solo e Amaranto (Amaranthus sp).

Lattes

Paulo E. Cruvinel

Pesquisador da Embrapa, Engenheiro Eletricista formado nas modalidades Eletrotécnica e Eletrônica pela Faculdade de Engenharia da Fundação Educacional de Barretos em 1980, tendo recebido o Prêmio Instituto de Engenharia como o melhor aluno da turma. Em sua carreira acadêmica e de pesquisa tem se dedicado ao estudo e desenvolvimento de sensores, sistemas inteligentes e automação na agricultura. É Mestre em Bioengenharia pela UNICAMP em 1984 e Doutor em Automação, também pela UNICAMP em 1987. Desenvolveu programa de Pos-doutorado em 1988 no Centro per l’Ingegneria Biomedica e Cattedra di Fisica, Università degli Studi di Roma ‘La Sapienza’, Rome, Italy com apoio do programa de treinamento em Laboratórios Italianos do Abdus Salam International Center (Trieste). Desenvolveu também, um segundo programa de Pos-doutorado em 1990 e 1991 no Department of Land, Air, and Water Resources e Crocker Nuclear Laboratory, University of California at Davis, California, USA., trabalho que recebeu o apoio do CNPq no programa RHAE. Participou no grupo de fundadores da Embrapa Instrumentação Agropecuária. É professor colaborador nos programas de pós-graduação da Universidade de São Paulo, Campus de São Carlos junto ao Departamento de Física, bem como junto ao Departamento de Computação da Universidade Federal de São Carlos. Recebeu os Diplomas de Premiação por Excelência na categoria técnico-Científico (1997) e de Destaque Individual (2005) da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária e em 2000 o Prêmio Personalidade da Agricultura conferido pelo Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo. No período de 1998 a janeiro de 2002 foi Chefe Geral da Embrapa Instrumentação Agropecuária e o Presidente da Comissão Técnica do Programa Nacional de Automação Agropecuária. No período de setembro de 2012 a maio de 2014 foi Chefe da Secretaria de Gestão Estratégica (SGE) da Embrapa. Foi o primeiro Secretário Técnico do Fundo Setorial de Agronegócio junto ao Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), trabalho vinculado ao Ministério de Ciência e Tecnologia. É membro do Conselho de Curadores da Fundação Parque de Alta Tecnologia de São Carlos, é membro do Conselho Tecnológico do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo e Pesquisador Visitante do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo (USP IEASC). Em 2016 passou a ser Fellow da International Academy, Research and Industry Association (IARIA). É o atual Presidente da Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA).

Lattes

Roberto Benedito O. Pereira

Possui graduação em Ciência da Computação pela Universidade de Cuiabá (2002), mestrado e doutorado em Física Ambiental pela Universidade Federal de Mato Grosso (2013). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal de Mato Grosso. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Hardware, atuando principalmente nos seguintes temas: banco de dados, embarcados e redes linux

Lattes

Raul Teruel dos Santos

Raul Teruel dos Santos possui graduação em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Maringá (1997), mestrado em Engenharia Elétrica e Informática Industrial pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (2001) e doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo (2014). Atualmente é professor do Instituto de Computação da Universidade Federal de Mato Grosso. Tem experiência na área de Ciência da Computação, atuando principalmente nos seguintes temas: agricultura de precisão, zonas de manejo, mineração de dados, suporte à decisão, hardware e sistemas operacionais.

Lattes

Elmo Batista de Faria

Elmo Batista de Faria possui Graduação em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de Mato Grosso (1993), Mestrado em Processamento da Informação pela Universidade Federal de Uberlândia (1996), Doutorado pela Universidade Federal de Uberlândia (2003) na área de Processamento da Informação e Pós Doutorado pelo Instituto de Automática e Informática Industrial na Universidade Politécnica de Valencia/Espanha (2014). Atualmente é Diretor Adjunto do Instituto de Computação da Universidade Federal de Mato Grosso. Possui experiência na área de Processamento da Informação, com ênfase em Sistemas de Informação inteligentes, atuando principalmente nos seguintes temas: Inteligência Artificial, robótica, redes neurais artificiais, banco de dados e lógica difusa. Atuou em Mobilidade Academic staff com a Universidade Politécnica de Valência -UPV na Espanha. Avaliador de cursos pelo MEC INEP.

Lattes

Jean Caminha

Jean Caminha é doutorando em Enhenharia Elétrica pela Univesidade Federal de Campina Grande, possui graduação em Engenharia de Computação pela Universidade Estadual do Amazonas (2002), mestrado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de Campina Grande (2006) e especialização em Gestão da Inovação pela University of New Mexico (2007). Gerente de projetos certificado pelo Project Management Institute, tem mais de 18 anos de experiência nas áreas de administração, engenharia e informática, atuando principalmente nos seguintes temas: gestão de projetos, inovação em negócios, rede de computadores, computação móvel, segurança da informação, automação. Atualmente, realiza pesquisas na área de segurança da Internet das Coisas (IoT).

Lattes

Christiane de Araújo Nobre

Christiane Nobre possui graduação em Ciência da Computação pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (2009) e mestrado em Sistemas e Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2012). Atualmente é professora Assistente I da Universidade Federal de Mato Grosso. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Ciência da Computação

Lattes